Obra protegida por direitos autorais

Telefone dos Mortos - Lendas de Terror

Lendas Urbanas - Telefone Dos Mortos
Janaina estava passando os números de telefone dos seus amigos da agenda velha para uma nova quando viu o número de Patrícia, uma amiga falecida alguns meses em um acidente de carro quando voltava de uma festa com seu namorado Pedro que até hoje estava em coma. O acidente foi causado por um motorista bêbado em alta velocidade e Patrícia morreu no local.

Janaina sentiu um frio da espinha e uma tristeza repentina, pensou em ligar para o número e talvez escutar a voz de sua amiga em uma gravação se o telefone ainda estivesse ativado. Hesitou por um instante, pois não sabia qual seria sua reação ao escutar a voz da amiga, mas pegou o telefone discou o número. Escutou o telefone chamando duas vezes e fez menção de desligar, pois se sentia boba fazendo aquilo, porém alguém atendeu.

“Alo.”

“Oi Janaina.” – respondeu a pessoa do outro lado da linha.

“Quem esta falando?”

“Quem poderia ser? É a Patrícia.”

“É impossível.”

“Como assim? Você ligou para o meu número, quem você esperava que atendesse?”

Aterrorizada e sem saber o que fazer Janaina continuou a conversa, que foi curta, pois ela estava com muito medo. Nos próximos dois meses ela continuou ligando para o número que sempre era atendido pela amiga já morta, conversava rapidamente e desligava. Pedro havia saído do coma, porém ainda se encontrava no hospital se recuperando das fraturas.

Um dia Janaina decidiu que iria ligar e perguntar sobre o acidente e se ela se lembrava de algo. Ela ligou e as duas conversaram por período curto e Patrícia começou a fazer perguntas sobre seu namorado.

“Janaina, você tem alguma noticia do Pedro? Por que ele não me liga? Ele me prometeu estar do meu lado não importa o que acontecesse. Ele desapareceu e não me liga, tenho me sentindo tão sozinha.” – perguntou Patrícia com voz de choro.

Janaina estava paralisada, não sabia o que dizer ou qual seria a melhor resposta e falou a primeira coisa que lhe veio à mente.

“Porque... porque você morreu no acidente de carro.” – respondeu ela com calafrios.

A última coisa que ela escutou foi o grito de terror de sua amiga e o sinal de ocupado logo em seguida. Rapidamente ela re-discou o número de Patrícia, porém dessa vez a voz do outro lado da linha disse:

“Este número é inexistente.”

52 comentários:

enia disse...

eu fiquei com muito medo/ e estou

emerson disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
alguem disse...

nossa muito dahora

Angélica disse...

uma coisa parecida aconteceu com minha amiga so q foi o ex dela q havia morrido em um acidente e muito tempo depois quando ela sem kerer ligou para o cel dele ele atendeu e ela entrou em choque no meio do patio da escola, e nos ainda pudemos ouvir ele ate q alguem teve coragem e desligou e depois toda vez q ligavamos dava a mesmo coisa de antes do acontecimento, esse numero é inexistente ou esta fora de area!

Caroline disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
CARLOS disse...

ouaaaaaaaaa gelei ate o "o" agora pow esse treim aii e foda eu acho se acontecer cmg eu fico sem dormi uns dias rs'

Luan disse...

Mtto loko

Thifanyzinha disse...

Mto loko mas me deu um medo *--*

victor disse...

ha ha ha voltei

Micosdemeninas disse...

num deu medo pq ja ouvi uma estoria parecida com essa minha colega k contou

Gabriela disse...

muito palha num me deu medo nenhum

jenny.venancio disse...

Ai adorei rsrs

estersb2011 disse...

nossa que medinho no dia do meu anivesario

janaina_domingues.1998 disse...

Aiin qe medinho *O*
By :Janaina :P (Mesmo nome da menina neh )

DAVID DARK disse...

Realmente muito bom , mas lembre-se tudo oque voce crer pode acontecer , teve algo que ocorreu comigo anos atras , que tenho medo de falar mas digo cuidado com o que imaginan ou acreditam.... POIS PODE ACONTECER

Bianca Sousa disse...

Caracaks que bizarro , deu uma sensação de arrepio e que tinha algueem me pegaando ;s

li disse...

nossa isso é muito louco eu só tenho uma palavra a dizer meu deussssssss.

medo disse...

que medo cada minuto eu olhava para o telefone de tanto medo.

luiz disse...

isso aconteceu comigo e com meus amigos nos estávamos no recreio e ligamos para a sabrina uma amiga nossa que morreu ela era namorada do marcos nos so ligamos para zuar dele
ela atendeu nos conversamos com ela morrendo de medo ate que o marcos disse amor mas vc nao tinha morrido no acidente quado nos estavamos voltando de moto do seu aniversario
ela disse sim morri eu estava esperendo vc me liga para mim de dizer o que ia dizer antes de morrer EU TE AMO depois nos pvimos m barulho d desligado e ela numca masis atendeu

fiel disse...

nossa ligar pra uma morta que treta aff

hehe disse...

muito loko

lindo disse...

puts, deu muito medo mesmo, sou muito medrosa,bem q se eu fosse tão medrosa ñ teria lido.
mas mesmo com todo o meu medo continuo fanatica por lendas historias de terror, sei q da medo mas sempre tenho aqla vontade imença de ouvir uma histori de terror q de puro medo.
nem eu me intendo,medrosa q adora ler historia de terror depois fica sonhando, o q posso faser, é mais forte q eu. bjinhos

grega disse...

adoreiiiiiiiiiii ler estas e outras tambem amo muito terroooooo adorrooooooooooooooooo

grega disse...

adorooooooo historias de terrooooooo

dani_gatinha disse...

euuuuuuuu a+e+i esta lenda apesar de ter medo mas eu ja fiquei com muito +++++++++++++++++ medo
Foi quando eu estava na casa da minha prima
egente estava fazeno churrasco quando eu e uma prima minha estavamos se escondendo de 1 outra prima minha no quintal da casa da minha prima + velha quando eu virei para traz e vi a miha tia que tinha morrido faz pouco tempo ela estava com a mesma roupa que ela foi enterrada eu acho que ela estava tentando me dizer alguma coisa depois eu sai correndo e falei pra minha prima
-Ge vams sair daqui que eu vi a tia Nirde depois disso eu nunca + a vi.

cesc fabregas disse...

mto loka essa historia deu arrepios agora...

kelvin disse...

nooo q lokoo essas historias muito bacana curtoo historias de terror pra caramba e tenho muitas pra ser dita,meu pai e meus avos um deles ja morreu eles sempre me contava essas historias terriveis quem quizer me add no msn e: kelvin.duane_2009@hotmail.com
vlw galeraa.

Mundo paralelo disse...

aff ela não devia ter contado,era melhor ouvir a voz da amiga.. do que contar a verdade,pelo menos eu preferiria assim.

Mundo paralelo disse...

eu preferiria que ela não tivesse contado...

thaynãn disse...

thaynãn meu deus eu adorotudo sibre coisas que dão medo tenho muitos filmes de terror mais nunca vi nada como esses filmes de terror nossa é d+!!!!!!

historias de terror disse...

essa foi de arrepiar mais ja avia escutado alguem me contar essa historia...

rafinha disse...

humm acheii muito aterrorizantre eu queria ser janaina

mitrasanovara disse...

Isso me lembra de uma lenda que me contaram quando eu fui para. Natal/rio grande do norte...
Eu estava numa praia,eram,eu acho que 4:00 da tarde,mais o sol ainda estava radiante,minha mãe,estava de exibindo da cor que pegava,meu pai estava elogiando-a e minha irmã,que nao êh muito de sol que nem eu,estava em baixo do guarda-sol pendo um livro que se eu nao me engano era um livro da saga crepúsculo...eu estava caminhando na praia quando vi um velhinho sentado ao lado de uma arvore,na praia,fui lá com ele,e disse:
-oi o senhor mora aqui em Natal?
-moro sim,disse ele
-eu sou uma turista,prazer-disse eu mostrando a minha câmera turística que estava em minha bolsa
-em que hotel voce esta?
Praia azul
-Ah...o hotel das lendas...
-que lendas?
-bom...vou lhe contar,há muito tempo,quando eu era um estudante de faculdade,eu precisava de dinheiro para pagar as consultas da minha mãe,e então eu era vigia daquele hotel...eu estava sentado na cadeira,era de manha e o sol acabara de nascer,ima familia,ima mulher,o marido e os dois filhos entraram lá,o filho mais novo ,e assustou um pouco,ele era super pálido com olheiras e tinha um cabelo curlo lambido,ele andava feito adulto e,na minha simpatia,fui cumprimentar a famili!para garantir que nao era nenhum ladrão e,nao eram,me apaixonei pelos olhos doces da mãe do garoto,eram parecidos com o seu,garota.eles ficaram no apartamento 302 e...
-êh o apartamento que eu estou
.ap dizer isso,o velhinho saiu correndo ...voltei com minha familia e fomos andando até o hotel,que ficava muito perto,tomamos banho e fomos nos arrumar para irmos jantar em uma burguesia,eu estava com dor de cabeça então pedir para eles irem e eu ficar,e, eles deixaram,alguns minutos depois deles saírem ,a campainha tocou,eu fui ver quem era e era ovelhinho da praia e ele disse:
-esqueça oquesao eu talei...,...,...esqueça quem eu sou.E ele saiu correndo antes de eu dizer algo,fechei a porta e me virei de costas ao olhar a janela,vi um garoto,igual a discrição do velho,e ao lado dele,o velhinho...

mitrasanovara disse...

Isso me lembra de uma lenda que me contaram quando eu fui para. Natal/rio grande do norte...
Eu estava numa praia,eram,eu acho que 4:00 da tarde,mais o sol ainda estava radiante,minha mãe,estava de exibindo da cor que pegava,meu pai estava elogiando-a e minha irmã,que nao êh muito de sol que nem eu,estava em baixo do guarda-sol pendo um livro que se eu nao me engano era um livro da saga crepúsculo...eu estava caminhando na praia quando vi um velhinho sentado ao lado de uma arvore,na praia,fui lá com ele,e disse:
-oi o senhor mora aqui em Natal?
-moro sim,disse ele
-eu sou uma turista,prazer-disse eu mostrando a minha câmera turística que estava em minha bolsa
-em que hotel voce esta?
Praia azul
-Ah...o hotel das lendas...
-que lendas?
-bom...vou lhe contar,há muito tempo,quando eu era um estudante de faculdade,eu precisava de dinheiro para pagar as consultas da minha mãe,e então eu era vigia daquele hotel...eu estava sentado na cadeira,era de manha e o sol acabara de nascer,ima familia,ima mulher,o marido e os dois filhos entraram lá,o filho mais novo ,e assustou um pouco,ele era super pálido com olheiras e tinha um cabelo curlo lambido,ele andava feito adulto e,na minha simpatia,fui cumprimentar a famili!para garantir que nao era nenhum ladrão e,nao eram,me apaixonei pelos olhos doces da mãe do garoto,eram parecidos com o seu,garota.eles ficaram no apartamento 302 e...
-êh o apartamento que eu estou
.ap dizer isso,o velhinho saiu correndo ...voltei com minha familia e fomos andando até o hotel,que ficava muito perto,tomamos banho e fomos nos arrumar para irmos jantar em uma burguesia,eu estava com dor de cabeça então pedir para eles irem e eu ficar,e, eles deixaram,alguns minutos depois deles saírem ,a campainha tocou,eu fui ver quem era e era ovelhinho da praia e ele disse:
-esqueça oquesao eu talei...,...,...esqueça quem eu sou.E ele saiu correndo antes de eu dizer algo,fechei a porta e me virei de costas ao olhar a janela,vi um garoto,igual a discrição do velho,e ao lado dele,o velhinho...

Robson Ferreira disse...

gostei mas nao assustou mas fui muito da hora

l.da.medeiros disse...

muito loko se isso acontecesse cmg eu morreria kkkk

Marcelo Fonseca disse...

que medo.

rafaela dias disse...

ADOREI ESTA HISTORIA ESPERO QUE MOSTRE MAIS COMO ESTA

rafaela dias disse...

adorei amo hitorIAS DE TERROR

ed disse...

a história é interessante,no mundo sobrenatural este caso pode ser considerado normal,não é caso para ficar com medo não pois não é a morte e sim alguém que já morreu que a pessoa conheceu.

tacio disse...

nao fiquei com muito medo mais e um pouca assustador e porisso vou escrever no meu caderno da escola para um trabalho escolar

meg disse...

Não devemos abusar e criticar oq ñ podemos explicar..o desconhecido está em todo lugar...existe um uma ligação entre o mundo dos vivos e dos mortos. Jã presenciei vários acontecimentos, senti cheiro de rosas sem te-las por perto..vozes de pessoas q ja se foram..até msm fui tocada estando sozinha. No ato agente sente uma senção totalmente estranha...ai vc cai na real, e v~e que aquilo realmente ñ tem explicação..só temos um jeito de descobrir que fenômenos são esses....DESENCARNANDO.

catriane disse...

adorei muito medo agora uhuum

Pedro disse...

Não tive medo mas por acaso alguém tem o número de telefone da Patricia?

juliana lima disse...

nossa muito esquisito.....!!!!!!!!

Anônimo disse...

fiquei com medo quando a amiga atendeo o telefone mesmo estando morta adorei o blog e muito bom.




BEIJOS:Anonima

Anônimo disse...

Fiquei com tanto medo que nao usei o telefone fixo por um mes

Filosofias de uma garota pensativa disse...

que medo isso me assustou de verdade

Elida Fernanda Mello disse...

Uma vez, meu avô me ligou querendo falar com minha mãe, sendo que estavam brigados e ela não quis atender ele, ele só se despediu e disse que eu ficasse bem, tempos depois descobri que ele havia morrido há 4 meses, por uma tia distante. Meu avô e minha mãe não se falavam há anos... muito tenso isso!
Um tempo depois vi ele e minha avó, como que em um sonho, me pedindo perdão, eu os perdoava e eles caminhavam para uma luz branca e sumiam, antes de ve-los eu via vultos quase todos os dias na minha casa, acho que porque minha vontade morreu no meu quarto, depois dessa aparição deles, nunca mas vi vultos ... tenso cara !

Anônimo disse...

Qual é a origem dessa lenda? Alguem sabe? Estou fazendo um trabalho de escola com ela e precisava

Anônimo disse...

Goste.será se e verdade :-/

Ágata Isadora disse...

ESTOU COM MUITO MEDO! E AGORA DE NOITE A MADRUGADA SE A MINHA AVÓ OU O MEU AVÔ ME LIGAREM EU NAO VOU ATENDER AINDA MAIS QUE TEM UM TELEFONE NO MEU QUARTO.
ESTOU COM MEDO MAMAAAAAAAAAAAAAAAAE!